Último dia de conteúdos na Campus Party fala de segurança na web e ida para Marte

ultimo-dia-de-conteudos-na-campus-party-fala-de-seguranca-na-web-e-ida-para-marte

Gente, chegou ao fim hoje, a oitava edição da Campus Party, em São Paulo. E com tanta coisa legal e interessante que aconteceu lá, eu separei os eventos que mais chamaram minha atenção neste último dia. Vem com a Lu pra saber mais, vem!

Segurança 360º

Então, para finalizar a maratona de conteúdos na Campus Party 2015, o dia começou com um tema importante com o debate Segurança 360º, em que os convidados do evento falaram sobre crimes digitais, fraudes na Internet e segurança da informação, sabe?

E o assunto é tão sério, que no debate vários profissionais das áreas jurídica e da tecnologia falaram dos crimes online que acontecem no país e no mundo, que acabou despertando muito interesse nos campuseiros.

Vamos para Marte?

Mas, olha gente, a palestra mais aguardada do dia, foi do fundador da empresa Mars One, Bas Lansdorp. Ele que é um exemplo de empreendedor atualmente tem um projeto superousado, sabe? Olha só isso: ele quer instalar uma colônia em Marte até 2025, acredita? Pois é! Tanto que ele comentou lá que é uma viagem sem volta, porque ficaria muito, mas muito caro trazer os tripulantes para a Terra. Já pensou nisso?

Daí, os campuseiros fizeram várias perguntas sobre como seria essa colônia humana em Marte e as pessoas iam sobreviver por lá. O executivo comentou que não gosta da ideia de fazer um reality show com os tripulantes, mas uma série de documentários já foi fechada com uma empresa de mídia para informar a fase de escolha das pessoas que vão participar da missão.

E não é só isso! Os escolhidos precisam saber fazer de tudo: desde realizar colheitas e extração de minérios até procedimentos médicos. Interessante, né?

Ele que é uma inspiração para os campuseiros que gostam de ciência e da observação espacial, aconselha a não ouvir o que os outros falam para desanimar e sim a fazer o que você tem vontade. “Para poder ir para Marte, tive que criar a minha própria missão”, disse.

Olha,  eu adorei participar da Campus Party 2015, viu?! Aprendi muito e acho que esses encontros deveriam acontecer o ano inteiro 🙂

E ai, o que você mais gostou na Campus Party 2015? Conte para mim!