Pesquisa aponta que 3G do Brasil é 30% mais lento que a média mundial

pesquisa-aponta-que-3g-do-brasil-e-30-mais-lento-que-a-media-mundial

Vem cá, me conta uma coisa: como anda a sua internet? Você está feliz com a velocidade da sua conexão? Se a sua resposta for não, pode ter certeza que você não é o único, viu?

Gente, um estudo feito pela empresa britânica de monitoramento e performance OpenSignal, em parceria com o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), revelou que as conexões 2G e 3G do Brasil são 30% mais lentas em relação a média registrada no mundo. Que chato isso, né?

Só pra se ter uma ideia, a pesquisa divulgada nesse relatório analisa a qualidade das redes móveis em quatro aspectos: download, upload, tempo e cobertura. Os pesquisadores também revelaram que 75% dos usuários brasileiros usam esse tipo de conexão, porque nem todo mundo tem acesso ao 4G, que é bem mais rápido, né?

O pessoal do Idec comentou que as pessoas ainda têm problemas com velocidades de download nas redes 3G porque elas são muito inferiores ao padrão mundial. Inclusive, olha só que curioso, no mesmo relatório, entre dez cidades com melhores conexões 3G, nove delas são capitais e a exceção fica para a cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais. Que coisa, não?

Agora, para os moradores de São Paulo e Rio de Janeiro, a notícia não é lá tão boa, já que as duas capitais registraram velocidades inferiores à Goiânia, Natal e Cuiabá. E de acordo com o estudo, o motivo para os resultados ruins dessas regiões é que os municípios do interior ou com cidades com grande concentração populacional têm problemas de infraestrutura e precisam de investimentos em redes móveis, sabe?

4G: solução ou não?

Então, se por um lado as conexões 2G e 3G tiveram resultados desanimadores, os donos de celulares com 4G podem ficar um pouquinho mais animados, mas só um pouco, porque durante os testes com a operadora Nextel, que tem a maior cobertura 4G, no Rio de Janeiro, a velocidade se comportou mais como 3G que  4G. Já a Vivo e a Claro tiveram desempenhos 71% e 61% melhores do que a média nacional. Bom, já é um começo, né?

Que tal testar sua conexão agora?

Olha só que dica legal, você pode baixar gratuitamente pelo celular, o aplicativo da OpenSignal pra medir a velocidade das suas conexões. O app pode ser encontrado no site da empresa em versões para iOS e Android, tá?

Outra alternativa pra checar a velocidade da conexão da sua operadora, (Claro, TIM, Vivo ou Oi), é acessando a própria página do Idec. Lá você informa seu endereço no campo indicado e o site mostra as zonas, onde o sinal é mais forte ou mais fraco na sua região.

E aí, como está a velocidade da conexão na sua cidade? Conta pra mim!