Os novos Galaxy Note 10 e 10+ não têm entrada para fones de ouvido. Entenda o motivo!

Oi gente! Vocês já estão sabendo tudo sobre os novos Galaxy Note 10 e o Note 10+ que foram lançados ontem? Eu contei tudinho sobre o lançamento e os smartphones, é só clicar aqui e ficar por dentro! Eles são bem poderosos e bonitos, né? Mas tem um detalhe nos aparelhos que também chegou como novidade e muita gente já notou que é a falta da entrada para fones de ouvido.

Você sabe por que a empresa tomou a decisão de tirar essas entradas? Então vem que eu te explico direitinho.

Só bluetooth

É gente, quem quiser comprar um Galaxy Note 10 ou um Galaxy Note 10+ tem que prestar atenção nesse detalhe. É que os novos smartphones não têm mais suporte pra fones com fio e só tem a entrada USB-C.

Mas por que será que eles fizeram isso? Bem, segundo o gerente sênior de Produtos da Samsung América, Caleb Slavin, essa decisão foi tomada depois que a Samsung perguntou a várias pessoas que usavam as linhas Galaxy S e Note qual o tipo de fone elas usavam. Você sabia que 70% dessas pessoas preferiam fones sem fio?

Pois é, então pra quem quer ouvir sua música com fones nos novos aparelhos tem três opções. A primeira é comprar um fone Bluetooth. A segunda é comprar um fone com entrada USB-C. E a terceira é comprar um adaptador que transforma a saída USB-C em uma pra fones de ouvido.

Uma tendência

E parece que isso vai acabar se tornando cada vez mais comum, viu gente? É, porque cada vez mais smartphones estão vindo sem a entrada de fone padrão. Pra começar temos os iPhones, que já fazem isso há um tempo. Tem também o Moto Z e até um smartphone da Samsung que foi lançado só na China, o Galaxy A8s, além do Galaxy Fold e até o Galaxy A80.

Uma das vantagens dessa decisão é que dá pra diminuir ainda mais a moldura ao redor da tela e deixá-las cada vez maiores sem precisar aumentar o tamanho do aparelho. Bem legal, né?

E você, o que acha dessa decisão? Te faria falta a entrada do fone de ouvido padrão? Me conta aí 😉