O que Pablo Picasso e a Apple têm em comum?

pablo-picasso-apple-comum

Os produtos da Apple são conhecidos pela elegância e pelo design, não é mesmo? Steve Jobs, fundador da empresa, era um apaixonado por belas formas e sempre exigiu o máximo da equipe dele. O que pouca gente sabe é que o gênio da pintura, Pablo Picasso, influencia o trabalho do pessoal da companhia da maçã. Vou explicar melhor porque é muito legal!

Poucas empresas ousariam se comparar com o consagrado artista espanhol. A Apple é uma delas! Uma matéria publicada pelo jornal New York Times mostra que durante um curso na “Apple University”, para apresentação das práticas da empresa, os novos funcionários são estimulados a pensar como Picasso para simplificar ao máximo o conceitos dos produtos.

pablo-picasso-apple-comum

Litografias da série “O touro”, desenhadas por Picasso, são apresentadas aos participantes. Dá pra ver que primeiro o touro é desenhado com muitos detalhes e depois de algumas revisões, o artista chega a um desenho simplificado, com poucos traços e bem elegante!

A evolução do formato dos mouses da empresa é um ótimo comparativo com o trabalho de Picasso. Dá uma olhadinha nestes modelos!

pablo-picasso-apple-comum

“Você repete o processo várias vezes até que você consiga entregar sua mensagem de uma forma concisa e consistente com a marca da Apple”, disse uma pessoa não-identificada ao NYT.

Randy Nelson, um dos professores do curso, diz que é isso “o que faz da Apple a Apple”. Nelson usa um outro exemplo prático nas aulas. Ele mostrou um controle remoto do Google TV com 78 botões. Em seguida, mostrou o da Apple TV, com apenas três. É uma baita diferença no design, né?

Na filosofia da Apple, simplicidade e beleza podem e devem caminhar juntas para deixar a experiência do usuário cada vez mais agradável. Pensando nisso, lembrar de Picasso foi uma ótima ideia, né?

Você gosta do design minimalista dos produtos da Apple? Conta pra mim!