Google Pay ou Apple Pay? Entenda quais são os pontos fortes e os pontos fracos de cada um dos serviços!

Os pagamentos digitais estão se tornando cada vez mais populares aqui no Brasil, né? Hoje em dia é mais fácil encontrar lojas que aceitem esse tipo de pagamento através do celular e isso facilita bastante nossas vidas. Dependendo do tipo de celular que você tem, existe um sistema de pagamento compatível, como  por exemplo, para o pessoal do iOS existe o Apple Pay, e para o pessoal do Android tem o Google Pay ou o Samsung Pay, se for um celular da Samsung.

Mas entre os dois primeiros, qual acaba sendo o melhor? Quais são os pontos fortes e os pontos fracos de cada um deles? Vamos descobrir!

Google Pay – Acessibilidade

O Google Pay chegou aqui esse ano, como uma junção de dois serviços da empresa, o Android Pay e o Pagar com o Google, incrivel né? E dá para usar em qualquer aparelho que tenha o Android 4.4 ou superior, e a tecnologia NFC. Tendo apenas essas duas limitações significa que hoje em dia não é difícil encontrar um smartphone Android que possa usar o Google Pay, então ele é mais acessível do que o Apple Pay nesse quesito.

Outra coisa legal no Google Pay é que dá para usar ele com vários tipos de cartões, não só os de crédito. Dá por exemplo para adicionar cartões de presentes, ou de fidelidade, e até cartão de embarque do aeroporto, sabe? Não dá para negar que é um serviço muito prático!  

Mas seu ponto fraco seja talvez a segurança, que comparado ao Apple Pay ainda deixa um pouco a desejar. Isso porque se você fizer uma compra abaixo de 49 reais com o Google Pay, ele não pede a senha. É só aproximar o celular da maquininha e pronto! Isso pode parecer mais prático por um lado, mas por outro se o seu celular for roubado existe um risco maior. Por isso é muito importante ter sempre uma senha para bloqueio!

Apple Pay – Segurança

O Apple Pay também é um tipo de pagamento novo por aqui. É preciso ter um iPhone 6 ou superior, ou iPad, Apple Watch e Mac que tenham a versão 8.0 do iOS pra poder usar esse app. Isso acaba reduzindo um pouco o número de pessoas que realmente podem utilizar o sistema, e esse talvez seja um ponto fraco.

Outro detalhe é que ele ainda tá em negociações com os bancos aqui no Brasil, e até pouco tempo só tava aceitando cadastro de cartões do Banco Itaú. Esses dias atrás foi confirmada também uma parceria com o Banco do Brasil e o Bradesco, o que significa que ele está crescendo por aqui, legal, né?

Mas em relação a segurança, não há o que reclamar do Apple Pay! Nesse quesito ele ultrapassa o Android Pay porque pra comprar com ele é preciso abrir o aplicativo Wallet, aproximar o aparelho e autenticar a compra como se fosse um cartão mesmo, independente do valor. Dá pra fazer isso pelo Face ID caso você tenha o novo iPhone X ou pelo Touch ID! Também tem a opção de colocar uma senha ou código de acesso!

Conclusão

O Google Pay é um sistema de pagamento digital mais acessível, onde mais usuários podem utilizar, mas peca por ter uma segurança mais falha em compras de baixo valor. Já o Apple Pay, mesmo quea ainda esteja em expansão por aqui e aceite poucos cartões , promete um sistema de pagamento digital mais seguro e confiável.

E aí, o que você acha dos dois sistemas? Já usou algum deles? Me conta aí nos comentários 😉